top of page

Vírus

Nesse momento tão difícil que estamos passando por causa de um vírus, me fez lembrar que em computadores também existe vírus e dos perigosos pois eles são capazes de atrapalhar o trabalho das pessoas. Hoje falaremos sobre esses vírus de computador, sobre como agem, como se previnir dessas ameaças, e o que fazer quando seu computador estiver infectado. O que é um vírus? Em informática , um vírus de computador é um software malicioso que é desenvolvido por programadores geralmente inescrupulosos. Tal como um vírus biológico , o programa infecta o sistema, faz cópias de si e tenta se espalhar para outros computadores e dispositivos de informática. A maioria das infecção ocorrem por ação do usuário. Um exemplo comum é de um download de um arquivo infectado em um anexo recebido via e-mail. A contaminação também pode ocorrer de outras formas: acessando sites de procedência duvidosa ou ainda por meio de arquivos infectados em pendrives, CDs, DVDs ou qualquer outro tipo dispositivo de armazenamento de dados. Uma outra maneira de ter um dispositivo contaminado, seria por meio de um Sistema Operacional desatualizado, sem as devidas correções de segurança que visam barrar o acesso indevido destes softwares maliciosos que tentam entrar nas máquinas via Internet. Existem vários tipos de vírus, alguns assim que alojados na máquina, que agem instantaneamente. Outros procuram por informações específicas e ainda há outros que permanecem ocultos em determinadas horas ou até mesmo por dias. Estes, geralmente, entram em execução em horas ou datas específicas. Tipos de vírus Na atualidade, os vírus se dividem em várias categorias e cada uma apresenta diferentes objetivos e formas de ataques. Veja a seguir alguns em destaque! KEYLOGGER Os keyloggers são softwares de computador que visam monitorar, armazenar e enviar tudo o que foi digitado pela vítima para um terceiro. Nos dias de hoje, os keyloggers são inseridos em outros códigos prejudiciais como os trojans, que têm o objetivo de acessar dados bancários ADWARE O adware é qualquer programa cuja função é executar automaticamente e exibir um grande volume de anúncios, sem que o usuário tenha dado a devida permissão. BACKDOOR É um mecanismo usado por vários malwares para promover acesso remoto a softwares ou à rede infectada. Esse programa busca explorar falhas problemáticas não documentadas em aplicações instaladas, desatualizadas e do firewall para ter acesso às portas do roteador . BROWSER HIJACKER Trata-se de um tipo de vírus de computador que tem por meta a mudança das principais configurações do navegador. Quando instalado, modifica a homepage e as formas de busca. Demonstram anúncios em páginas legítimas e redirecionam o usuário para sites maliciosos que podem apresentar exploits ou outras pragas digitais . TROJAN HORSES Os Cavalos de Troia mantêm-se ocultos enquanto baixam e instalam ameaças em computadores e laptops. São conhecidos por responder pelo primeiro estágio de infecção de dispositivos digitais. Eles aparecem em mensagens de e-mail, arquivos de música, sites maliciosos, entre outros. Além disso, esse tipo de vírus se aproveita de vulnerabilidades presentes no navegador para instalar softwares maliciosos no computador. ROOTKIT Rootkit são trojans que usam mecanismos avançados de programação para serem instalados em classes profundas ou não documentadas do sistema operacional . As suas funções mais devastadoras são: a sua capacidade de recuperação, reinstalando-se mesmo depois da limpeza do computador; e sua disseminação em alta velocidade. SPYWARE Esse tipo de software apresenta a característica de espionagem e visa captar dados sobre os costumes dos usuários na internet , com o objetivo de distribuir propaganda “customizada”. TIME BOMB O Time Bomb é um tipo de malware que apresenta contagem regressiva. Ele é uma ameaça preordenada para ser executada em uma certa ocasião no sistema operacional, provocando sérios danos. WORM  Esse tipo de vírus de computador apresenta a função de se autorreplicar sem a necessidade de infectar arquivos legítimos, produzindo cópias funcionais de si mesmo. Tais características fazem com que os worms se espalhem rapidamente por redes de computadores e drives USB. Além disso, eles podem ser repassados por mensagens de e-mail, criando anexos problemáticos e os enviando para as listas de contato da conta invadida. GREYWARE É um malware que se encontra na chamada zona cinzenta, entre o software normal e um vírus, provocando mais irritação do que problemas, como programas de piada e adware. Assim, o Greyware refere-se a uma ampla gama de softwares que são instalados sem a permissão do usuário. RANSOMWARE São códigos maliciosos que retêm arquivos ou todo o sistema do usuário por meio de técnicas de criptografia. Após o “sequestro”, o malware apresenta mensagens exigindo o depósito de uma certa quantia ou a compra de alguma mercadoria, informando que em seguida fará o envio da senha que libera os arquivos. Contudo, mesmo depois do pagamento, o usuário não recebe senha alguma. Dicas para se proteger dos vírus Como você pode ver os vírus são um dos maiores causadores de problemas em computadores, mas felizmente tem como evitar que eles ocorram, é só conferir as nossas postagens que falam sobre segurança aqui: 7 dicas para proteger seu computador de vírus Como pegar vírus na internet. Como enviar com segurança suas informações pessoais Conclusão Como vimos existem vários tipos de vírus, e para cada tipo existem ações de prevenção para você evitar que o seu computador seja infectado por essas ameaças que rondão a internet em busca de uma vitima para atacar. Lembrando também que os vírus não são as únicas ameaças na internet, que tem também os criadores (pais) dos vírus que são os hackers, que vamos comentar em outro momento. Muito Obrigado!! Fontes: Wikipédia , intnet Ajude-nos a crescer através do seu apoio aqui

Vírus
bottom of page